InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 [FP] Amélia D'amont Ridley

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Amélia D'amont Ridley
Patrulha de Defesa
Patrulha de Defesa
avatar

Mensagens : 2
Pontos : 4
Data de inscrição : 15/03/2014

Ficha do Morador
Dinheiro na Carteira: 200 dólares
Mochila:

MensagemAssunto: [FP] Amélia D'amont Ridley   Sab Mar 15, 2014 11:11 pm


Amélia D'amont Ridley

Patrulha de Defesa & Parte Norte



Britânica



20 anos



Scarlett Johansson
CARACTERÍSTICAS FÍSICAS:
Amélia possui uma pele bem clara, sendo pálida, mas possui bochechas rosadas que, ficam avermelhadas em momentos de timidez. Seu cabelo é ruivo, com fios escorridos que descem até a sua cintura. Ela tem grandes olhos verdes, com um tom acinzentado. Amélia tem um rosto fino e um nariz longo e empinado, o qual ela odeia. Ela também odeia arrumar o seu cabelo, com tranças e enfeites, por isso, estão sempre soltos e bagunçados. Sua estatura é mediana. Enfim, uma mulher bonita e comum, embora com uma aparência certamente impactante.
CARACTERÍSTICAS PSICOLÓGICAS
Amélia é uma menina autêntica, impulsiva. Possui uma personalidade forte. Sempre fala na hora errada e costuma questionar qualquer coisa e qualquer pessoa, independente de quem seja. Ela também é extremamente inteligente, detalhista e perceptiva. Possui uma coragem inabalável e um orgulho extremamente perigoso. Após vivenciar toda a ignorância humana, ela passou a ser um tanto enigmática e fria. Embora com um pouco de intimidade, possa-se conhecer sua parte bondosa e gentil.
Suas perdas repentinas em sua vida geraram sua reserva. Transformando-a em uma pessoa de poucas palavras, apenas ações, as vezes brutais e as vezes bondosas. O ódio e tristeza a dominam sempre que presencia algo que a lembra de suas perda. Tudo o que ela deseja é ajudar no desenvolvimento da sociedade.
HISTÓRIA

Não há nada de especial em minha vida. Uma menina nascida no interior, filha de um fazendeiro e uma policial. Mas o tempo foi cruel, causando a morte de minha mãe, durante seu trabalho. Isso acabou com minha vida. Como meu pai, passei meses chorando, até espairecer, e perceber que a culpa não era do universo, ou de qualquer pessoas, mas sim da ignorância humana. Nesse momento, entre meus sentimentos, apenas um eu podia entender: ódio.
Após isso, tudo o que me lembro é daquele dia, onde começou o que poderia ser o fim do mundo. Era o aniversário do meu pai, como sempre, ele estava trabalhando até tarde; eu o esperava em nossa casa, com um presente especial, que comprara para lhe mostrar como o amava, e que era agradecida de ter sido criada por um homem como ele. Mas adormeci. Ao acordar, percebi que estava no meio da madrugada, eu estava no meu quarto, não me lembrava de ter ido até lá, talvez meu pai houvesse me carregado. Segui pela casa o procurando. Em seu quarto, a televisão estava ligada, apenas pude ouvir: "E agora, novas notícias dos cientistas sobre uma síndrome que atingira muitos nos últimos dias..." quando um grito ecoou ao fundo "Droga! Fujam, Fujam!" e por fim, interferência. Desci as escadas, estava agora de frente para a porta, pela vidraça, pude ver um carro policial passar. Eu estava confusa e sonolenta. O presente de meu pai estava sobre a bancada ainda. A porta se escancarou, e meu pai entrou correndo, segurando uma arma.
- Pai? - eu disse - O que está acontecendo?
- Fique perto de mim, sim? Vamos ao seu quarto, pegue sua mochila e coloque algumas roupas e coisas importantes. Apenas o essencial! Entendido? - disse ele, ofegante.
- Certo... Mas por quê? - ele apenas me empurrou para a escada, vira para a porta. Subi ao meu quarto, e rapidamente lancei roupas dentro da mochila. Em seguida desci correndo, meu pai estava no mesmo lugar, tenso.
- Me siga, perto de mim! - disse ele pegando minha mão e se dirigindo para a porta. Desvencilhei-me dele e peguei seu presente, colocando dentro da mochila. Nós seguimos até o carro, pelo caminho, um homem avançou sobre meu pai. Foi o tempo para ouvir o estrondo do tiro, quando gritei. Assutada, me lancei para dentro do banco traseiro do carro.
Horas depois, no mesmo dia, meu pai fora mordido por uma dessas criaturas, ele apenas me deu sua arma e disse que eu fugisse para um lugar seguro, junto aos outros. Uma menina de doze anos desolada em meio ao apocalipse, seria impossível sobreviver, mas aconteceu. Segui com outras pessoas para uma grande casa, protegida por homens armados. Eu tremia, amedrontada, mal conseguia segurar aquela arma.
Permanecemos ali por bastante tempo. Todos os dias eu esperava que meu pai entrasse pela porta, não sabia o que estava acontecendo. Com o tempo, uma equipe nos achou, e nos guiou para um local estranho. A sociedade tentava se recompor em meio a destruição.
Tempos depois, passei a entender o que acontecia. E em meio aos meus sentimentos pude entender apenas um, o ódio. Não sabia como, mas queria me vingar de alguém, ou de algo. Para lutar contra os monstros que tiraram meu pai, e para honrar minha mãe, entrei para a chamada Patrulha de Defesa. Ajudava a manter a ordem na nova sociedade que se construíra das cinzas.
copyright 2013 - All Rights Reserved for Larissa
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Arianne Benson
Cannons
Cannons
avatar

Mensagens : 76
Pontos : 129
Data de inscrição : 05/08/2012
Localização : Por ai, sabe como é né?

Ficha do Morador
Dinheiro na Carteira: 5.000 Reais
Mochila:

MensagemAssunto: Re: [FP] Amélia D'amont Ridley   Sab Mar 15, 2014 11:31 pm

Aprovada

Querida Amélia,
Temos o prazer de informar que foi aceita e agora tem a permissão de seguir com seus objetivos! Lembramos que todas as regras devem ser seguidas para um jogo sem conflitos. Bem vinda ao New World e boa sorte!
Staff

JESS

Template EXCLUSIVO da Administração

___________________
We wrote our names on blood.
If you know what I Mean...  ❥ Kill 'em all  ❥ Zumbis mortos: 00
CG @

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://mworld-rpg.forumeiros.com
 
[FP] Amélia D'amont Ridley
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Primeira Parada :: Registros :: Fichas :: Fichas Aprovadas-
Ir para: